Conteúdo

Estresse no trabalho: 8 dicas para você aprender a reduzi-lo

31 de maio de 2019
Estresse no trabalho: 8 dicas para você aprender a reduzi-lo

Grande parte das pessoas, de alguma forma, está familiarizada com o estresse no ambiente de trabalho. Segundo estudos, cerca de 60% dos funcionários nos Estados Unidos sentem-se estressados no trabalho em três ou mais dias úteis por semana.

A fim de te ajudar a reduzir ou até mesmo solucionar esse problema, trouxemos 8 dicas para que você tenha uma melhor experiência dentro de seu ambiente de trabalho.

1. O percurso

O caminho para o trabalho pode aumentar a ansiedade, causar infelicidade e aumentar temporariamente sua pressão sanguínea. Portanto, é provável que você nem tenha chegado no trabalho ainda e já possa estar sofrendo com o estresse.

Seja por conta do trânsito, motoristas indisciplinados ou acidentes na rodovia, a vida no tráfego muitas vezes não é o melhor lugar para se relaxar. Por isso, tente sempre prestar o máximo de atenção nos seus movimentos e nos movimentos dos outros ao seu redor. Isso fará com que você não seja surpreendido bruscamente e acabe se estressando com algum incidente.

Caso você seja do tipo de pessoa que consegue exercer duas ou mais funções ao mesmo tempo, aproveite também o momento para ouvir uma boa música, podcast ou um audiobook. Isso será divertido e lhe trará leveza enquanto não chega ao seu destino. Mas lembre-se: a atenção constante é a principal maneira de prevenir estresses desnecessários nesse percurso.

2. Crie uma agenda equilibrada

Analise seu agendamento, responsabilidades e tarefas diárias. Não comprometa demais sua agenda. Evite marcar muitas tarefas consecutivas ou tentar encaixar compromissos demais em um mesmo dia.

Busque sempre encontrar um equilíbrio entre trabalho, vida pessoal, atividades sociais, atividades sozinho, suas responsabilidades diárias e também seu tempo de descanso. Estabeleça um limite e não se deixe levar problemas da vida pessoal para o trabalho. E, principalmente, evite levar trabalho para a casa – deixe seus problemas profissionais na empresa.

3. Elimine comportamentos autodestrutivos

Muitas vezes acabamos piorando o estresse no trabalho com pensamentos e comportamentos negativos. Quando conseguimos reverter esses hábitos autodestrutivos, fica mais fácil de lidar com fatores estressantes externos.

Entenda alguns comportamentos que podemos ter e a forma de melhorá-los, com o intuito de ter uma rotina mais saudável.

Pensamento negativo: Talvez o mais comum entre todos. Tente focar em ver o lado positivo de todas as situações e interações, buscando sempre ver a forma como o ocorrido pode lhe ajudar. É surpreendente o quanto a forma de ver o mundo muda quando se faz questão de reconhecer as pessoas e as coisas em sua vida que você tem sorte em ter.

Não busque controlar o incontrolável: Muitas vezes as coisas estão além do nosso controle no ambiente de trabalho – desde o comportamento de outras pessoas até crises financeiras. Contudo, em vez de gastar suas forças nesses assuntos, concentre-se nas coisas que você realmente pode controlar – como seu esforço, a forma como você escolhe reagir aos problemas e como você trata as pessoas.

Resista ao perfeccionismo: Quando você define metas irrealistas para si mesmo e tenta fazer muito mais que o necessário, você está se autoprogramando para o fracasso. Assim sendo, comprometa-se apenas em dar seu melhor, sem focar em realizar as ações de forma perfeita.

Melhore seus hábitos: Se você costuma estar sempre atrasado, esforce-se para criar o hábito de levantar-se mais cedo. Se sua mesa está sempre bagunçada, busque organizá-la com uma frequência maior. Faça uma lista de tarefas e risque-as conforme forem finalizadas. Consequentemente, você irá se sentir menos estressado no trabalho.

4. Mantenha o foco

Como citamos no tópico sobre percurso, manter-se focado/atento à sua tarefa é a principal maneira de prevenir estresses desnecessários. Logo, se você sabe quais são as atividades que precisa concluir até o fim do dia, mantenha-se focado nelas.

Muitas vezes, justamente por conta do estresse, recorremos a fuga de nossas obrigações para aliviarmos a mente. Fazemos isso no piloto automático: em um minuto sentimos cansaço, e em seguida magicamente aparecemos buscando por vídeos divertidos no Youtube, memes no Facebook ou olhando postagens no Instagram.

Mas esse comportamento automático através de distrações nos impede de estarmos presentes no momento necessário e de entendermos nossos sentimentos (como a causa do estresse e formas de resolvê-la). Um estudo na Universidade do Texas concluiu que evitar emoções, na verdade, só as torna ainda mais fortes.

Então, abrir o Facebook quando você sente altos níveis de estresse pode parecer terapêutico no momento, mas a longo prazo, você está apenas multiplicando seu estresse no trabalho.

Para ajudar com as distrações, experimente uma extensão do Chrome chamada Momentum. Essa extensão transforma uma nova aba em um painel pessoal para ajudar a inspirar calma e foco. Tem uma nova foto e citação inspiradora todos os dias. Você também se depara com a pergunta “Qual é o seu foco principal hoje?”, com o intuito de fazer você pensar nas suas metas todas as vezes em que abrir o navegador em busca de distração.

Resultado de imagem para momentum google

5. Faça pausas quando necessário

No entanto, mesmo sabendo sobre a importância de se manter o foco, nem sempre conseguimos fazer isso de uma forma saudável. E é nessas horas que fazer algumas pausas torna-se necessário.

O exercício da atenção pode ajudar você a saber como diminuir o estresse no trabalho durante o ápice do momento frustrante, mas a prática deve ser usada para fortalecer momentos de calma também. Faça, por exemplo, uma pausa para o almoço todos os dias. Essa é a oportunidade perfeita para você sair da sua mesa, ficar em contato com o ar livre e recuperar suas energias. Reserve também algum tempo para curtos intervalos ao longo do dia – mesmo que seja para passar alguns minutos em silêncio em um canto mais reservado.

Nas horas de extremo estresse você também pode optar por fazer um exercício de respiração, inspirando e expirando lentamente. Isso melhora a oxigenação do cérebro, proporcionando um relaxamento mental.

6. Conecte-se com seus colegas de trabalho

Realizar atividades em conjunto com os colegas de trabalho traz experiências prazerosas e incentiva um relacionamento saudável entre a equipe. A união dos membros da equipe também possibilita um aumento do aprendizado, da criatividade e do desempenho de forma geral.

Você também pode procurar manter um relacionamento de amizade fora do local de trabalho. Marque almoços em grupo, faça confraternizações com seus colegas. Você verá que isso melhorará muito o ambiente de trabalho.

7. Cuide de si

Essa é uma prática que deve ser levada sempre, não somente durante seu expediente na empresa. O autocuidado é extremamente importante na vida de qualquer pessoa e interfere diretamente no seu desempenho diário, inclusive no trabalho.

Aqui vão alguns pontos que devem ser destacados para que você consiga exercer seu melhor potencial como funcionário.

Dormir o suficiente

Sabemos que ter um sono diário de 8 horas nem sempre é possível. Nossas vidas são muito corridas e, muitas vezes, nem sequer temos todo esse tempo disponível no dia para descansar.

No entanto, a falta de sono pode deixá-lo vulnerável e ainda mais estressado. Já quando você está descansado, torna-se mais fácil controlar sua criatividade, produtividade diurna, capacidade de resolver problemas e concentração.

Por isso, melhore a qualidade do seu sono fazendo mudanças saudáveis em sua rotina. Tente ir para cama e levantar-se à mesma hora todos os dias; procure desligar as telas de TVs, tablets, smartphones e computadores pelo menos 1 hora antes de ir dormir (a luz emitida por esses aparelhos suprime a produção de melatonina do seu corpo e pode atrapalhar gravemente seu sono); evite atividades estimulantes e/ou estressantes antes de dormir (como recuperar o atraso no trabalho) etc.

Inteligência emocional

É a capacidade de gerenciar suas emoções de forma positiva e construtiva, a fim de melhorar o autocontrole e a autoconfiança. A inteligência emocional é também uma questão de se comunicar melhor com os outros, superando as diferenças e aliviando a tensão e o estresse cotidiano.

Dentro do ambiente de trabalho, podemos listar 3 componentes principais:

– Autoconsciência: Capacidade de reconhecer suas emoções e seu impacto quando usadas para orientar suas decisões.

– Autogestão: Conseguir controlar suas emoções e comportamentos e adaptar-se às circunstâncias sempre que necessário.

– Consciência social: É quando se entende as emoções dos outros, através da empatia. Também se refere a sua capacidade em inspirar, influenciar e conectar-se aos outros no dia a dia.

Boa alimentação

É importante que você faça escolhas alimentares saudáveis que mantenham seu corpo funcionando da melhor forma possível. Baixo açúcar no sangue pode fazer você sentir ansiedade e irritabilidade, enquanto comer demais pode deixar você sonolento.

Busque manter uma alimentação saudável e sem grandes intervalos entre uma refeição e outra. A falta de equilíbrio do corpo e uma saúde frágil podem piorar seu estresse e desencadear uma série de outros problemas de ordem física e emocional.

8. Reflita sobre seu progresso diário

E por último, mas não menos importante: tire um tempo diário para refletir sobre sua atuação. Pergunte a si mesmo o que foi aprendido naquele dia – seja em questão profissional ou até mesmo na forma como você lidou melhor com seus pensamentos e emoções pessoais.

Isso, além de reforçar sua capacidade de aprendizado, lhe trará mais confiança para lidar com momentos difíceis e o estresse no trabalho.


Esperamos que nossas dicas tenham lhe ajudado! Conte aqui nos comentários a forma como você lida com o estresse no trabalho e compartilhe este post para ajudar outras pessoas também.

< Anterior Próximo >

COMENTÁRIOS

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Business Intelligence: entenda o que é
Conteúdo

Business Intelligence: entenda o que é

2 de agosto de 2019

Diariamente empresas trabalham para melhorar suas estratégias comerciais, comunicação com os clientes e funcionamento dentro da própria companhia. Existem diversas...

Leia Mais